Loader Image
Alunos conquistam dez medalhas na Canguru de Matemática
17 de maio de 2021

Do total de medalhas, três são de ouro, três de prata, três de bronze e uma Honra ao Mérito.

Alunos do Curso G9 conquistaram dez medalhas na edição 2021 da olimpíada Canguru de Matemática Brasil, realizada em março passado. O resultado foi divulgado nesta segunda-feira, 17 de maio. Do total de medalhas, três são de ouro, três de prata, três de bronze e uma Honra ao Mérito.

 

A Canguru de Matemática reuniu, de forma online, estudantes matriculados regularmente desde o 3º ano do Ensino Fundamental até a 3ª série do Ensino Médio. O colégio teve a participação de 78 alunos nesta edição. No ano passado, o Curso G9 conquistou três medalhas na competição.

 

O Curso G9 incentiva os alunos a participarem nas mais variadas olimpíadas do conhecimento porque essas provas ajudam a desenvolver a disciplina, o foco nos estudos e são um ótimo treinamento para os vestibulares. Várias universidades já adotam as notas de olimpíadas como opção aos vestibulares, como Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e Unifei (Universidade Federal de Itajubá).

 

SENSIBILIZAÇÃO

Em 11 de maio, os ex-alunos Luíza Gonçalves (UFMG), Pedro Henrique Mouallem (Unifei) e Renan Barbosa Silva (Unifei) conversaram com os alunos do 6º ao 9º anos do Ensino Fundamental II sobre a importância de participar das olimpíadas do conhecimento.

 

Em comum, todos foram medalhistas em olimpíadas do conhecimento: Luíza Gonçalves e Renan Barbosa foram premiados em várias edições da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA); e Pedro Henrique, conquistou medalha na ONC (Olimpíada Nacional de Ciências).

 

Aliás, Renan Barbosa Silva, medalha de ouro na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) 2020, foi o primeiro do colégio a entrar na Unifei (Universidade Federal de Itajubá) dessa forma.

 

Os alunos interessados em participar das demais olimpíadas que irão acontecer ainda este ano, como OBA e OBMEP, devem procurar os professores Mateus Francisco ou Vicente Carlos Martins ou a coordenação pedagógica do segmento.

 

CANGURU BRASIL

Com origem na França, essa olimpíada do conhecimento é administrada globalmente pela Associação Canguru sem Fronteiras (Association Kangourou sans Frontières – AKSF). O concurso, que é o maior do gênero no mundo, reúne em média 6 milhões de participantes por ano, de ao menos 75 países.

 

O concurso é dividido em seis níveis: nível P (Pre Ecolier) – alunos do 3º e 4º anos do EFI; nível E (Ecolier) – alunos do 5º e 6º anos do EFI e EFII, respectivamente; nível B (Benjamin) – alunos do 7º e 8º anos do EFII; nível C (Cadet) – alunos do 9º ano do EFII; nível J (Junior) – alunos da 1ª e 2ª séries do EM; e nível S (Student) – alunos da 3ª série do EM.

 

Confira os alunos medalhistas do Curso G9:

 

OURO

  • Maria Luísa Ribeiro e Silva – 8° Ano
  • João Pedro Tilmann de Souza – 1ª Série
  • Pedro Féris Renno El Alam – 1ª Série

 

PRATA

  • Marcos Renato Gonçalves Dias – 8° Ano
  • Thalita Guimarães Pedrosa – 6° Ano
  • Letícia Ribeiro Guedes – 8° Ano

 

BRONZE

  • Matheus Dourado de Campos Lima – 9° Ano
  • Pedro Ferreira Cardozo – 8° Ano
  • Livia Castilho Pereira – 2ª Série

 

HONRA AO MÉRITO

  • Rafael Monti Benac – 3ª Série



+ Ver Mais
16 de novembro de 2021

Jardim I aprende sobre alimento...

... + Ver Mais
16 de novembro de 2021
Jardim I aprende sobre alimento saudável na horta do Curso G9
+ Ver Mais
09 de novembro de 2021

Alunos do Jardim I têm aula...

... + Ver Mais
09 de novembro de 2021
Alunos do Jardim I têm aula Lego com robô MatataLab
+ Ver Mais
05 de novembro de 2021

Alunos trabalham na construção...

... + Ver Mais
05 de novembro de 2021
Alunos trabalham na construção de robôs em aula de robótica
+ Ver Mais
01 de novembro de 2021

Alunos do Ensino Médio debatem...

... + Ver Mais
01 de novembro de 2021
Alunos do Ensino Médio debatem erradicação do trabalho infantil
TOPO